terça-feira, 15 de janeiro de 2008

Show do Belo (Part. II)

(...) Bem, como havia dito vou continuar o post de ontem, sobre o nosso destino final. Pois bem, chegamos (depois de um longo caminho), á Guarulhos, onde seria o show que de fato era o mais importante. Primeiro que a demora em busca do estacionamento irritou um pouquinho eu a Fabi, pois aqueles caras praticamente pulando em cima dos carros oferecendo convites me deixava sufocada, eles tinham que dar uma seguradinha! rsPercebemos logo de cara que o lugar não seria muito agradavel, tanto pelo lugar mas pelas pessoas! (juro que fiquei com medo, mas depois passou), tá encontramos o estacionamento, acende a luz, passa a maquiagem, penteia os cabelos de novo, e empresta o gloss, e pegam os documentos, enfim, tudo dentro dos conformes e da sequência de todas as noites. Porém logo de cara ai sair do estacionamento me deparo com uma fila gigantesca, que eu com certeza não estava nem um pouquinho afim de pegar, e eu como sempre muito da cara de pau furei mesmo, e logo na cara das seguranças, onde arrastei a Aline e a Fabiana. Os meninos como são cagões resolveram enfrentar a fila e esperar uns 15 minutos para entrar. Depois da gente ficar uma carinha esperando os meninos lah dentro, hei que surge os mocinhos...rs

Era show do Samprazer e estava quase acabando, mas gostei, é legal sim, percebi depois de minutos ali dentro que estava numa sauna e o pior de tudo, "SEM SAIDA", sim sim, o lugar do show era num lugar totalmente fechado, escuro sem saida e CHEIO muito cheio de gente! Pra vocês aqui de Santos analizarem era uma mistura de centro de convenções de SV com baile funk do Portuários juntos com o pagode do beira, foi mais ou menos isso que encontrei por lá, e olha que meu irmão disse que ate no baile funk tinha meninas mais bonitinhas, enfim, não estavamos lá para isso, e sim para ver o show do tão esperando belo e mais que tudo Turma do Pagode. Depois de um tempo de muito suor, de muita gente se relando, entra no palco o Chrigor, pra mim estava mais pra show do Exalta, porque a única música que ele tocou dele foi meu jeito de amar, o resto tudo do Exalta, mas foi legalzinho! Em seguida tocou uns funks bem ruizinhos que o povo de lá chama de funk! Fora que a Aline e a Fabiana aguardavam na fila do caixa para comprar uma latinha de refri e cerveja, e quando chegam perto do caixa, o povo começa a empurar e expirram ela da fila, aheiueheaiueahaeiueahae (eee povo sem educação, tinha que ser né?! ).....

Conversa vai, conversa vem, a gente vê que a arrumação começa e o próximo a se apresentar é o TDP, claro que nós ficamos sempre anciosas para cada show deles, mas não tão quanto, como a Aline, ela de desespera, se descontrola e se despenteia, rs Tudo pelo Fabiano dela, que agora deu pra encher o saco no rádio que a dona Aline fez questão de dominar. Depois de umas quatro músicas o tão esperado pedido foi feito pela Aline, vamos lá na frente ver o Fabiano!? :O Como?! O que?! Han?! Isso mesmo, enfrentar aquela multidão toda e ir ver o Fabiano, pra ela nao tem preço, mas pra mim, oh se teve! rs Enfim, as três deram as mãos e lá foram para a batalha tão dificil, chegar a frente do palco para falar com o Fabiano, enfim, não conseguimos, ficamos algumas músicas ali na frente, e isso rendeu comentários depois, pois lembramos da época dos Travessos que ficamos lá frente gritando que nem umas loucas, com as camisetas iguais, nas festas deles e nas reuniões! Enfim demos uma de fãs loucas e foi super legal! Voltamos ao nosso lugar onde os meninos ainda esperavam pela gente (pensei que estariam desmaiados de tanto calor), terminamos de ver o show do Turma, que por sinal como sempre bem perfeito. Logo depois voltou a tocar as músicas toscas daquele lugar onde não animavam nem as moscas que ali estavam! Nesse meio tentamos de novo novamente beber algo, mas estava ainda meio impossivel. Logo em seguida vimos aquela cortina branca escrito de verde BELO, nossa meu coração já gelou!

Enfim, depois de longas horas de expera o tão esperado show começa, caem as cortinas e aquele estouro (que ainda me faz lembrar os Travessos) começa! Dai pra frente só emoção, músicas perfeitas, lembranças boas, músicas fodas, enfim tudo perfeito, aquele homem nasceu simplesmente com o melhor dom que Deus deu, que foi a voz, ele não precisou estudar nem nada, aquilo é dele, muito bom, amei o show dele, inteirinho, do começo ao fim, sem tirar nem por nada! Perfeição! Detalhe que somente nessa hora conseguimos pegar algo para beber porque todos estavam loucos e euforicos com o show do Belo. Bom, quase 2 horas depois fim ao show que eu jamais vou me esquecer. Todos embora, voltamos ao nosso rumo, mas sem antes passar no Mc Donald's para matar aquela fominha. Chegamos em casa e bodiamos, claro que ainda não acabou o nosso fim de semana, ainda estamos na sexta, sabado e domingo foi perfeito também. E como o post anterior, termino no próximo post, CURIOSOS! p/ FABY! rsrs